Breaking News

SAÚDE EM PAUTA

-----------------------------------------------------------
Ginecologista alerta sobre os riscos de infecções durante o verão

Sol, praia, piscina e muito calor, combinação perfeita para quem quer curtir a estação mais desejada do ano. No entanto, esse período esconde inimigos invisíveis que podem se alojar e aumentar a proliferação de fungos e bactérias, nas regiões íntimas das mulheres. 
Um dos fatores que contribuem para o surgimento do problema, é o uso prolongado de roupas molhadas como o biquíni. Segundo o ginecologista e obstetra, Dr. Domingos Mantelli, essa prática é muito comum entre as mulheres, além de ser um forte aliado no surgimento das infecções.
“No verão as mulheres estão mais suscetíveis a infecções tanto externas (na vulva) quanto internas (na vagina). Isso ocorre porque a umidade na região íntima provocada pela alta temperatura e pelo uso prolongado de biquíni molhado, torna o local próprio para a sobrevivência e disseminação de bactérias outros germes.)” afirma o ginecologista.
O especialista alerta que, o uso de roupas apertadas, em especial a calça jeans, produtos perfumados, também são fortes agravantes para o surgimento das infecções.
Entre os problemas mais comuns, está a candidíase vulvovaginal, doença que, segundo a Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo (Sogesp), afeta 75% da população feminina nesta época do ano. Provocada por fungos oportunistas que já vivem no corpo, seus principais sintomas são coceira, ardência, vermelhidão e secreção vaginal. O tratamento inclui o uso de antifúngicos orais e locais, além de cremes externos para aliviar a coceira.
Já a vaginose bacteriana é outra doença relacionada a muita umidade e calor na área genital. Causada principalmente pela gardnerella vaginalis, ela se manifesta por um odor desagradável e, às vezes, por corrimento amarelado. Para combater essa doença é necessário o uso antibióticos tópicos e orais.
“É importante alertar que em ambos os casos, candidíase vulvovaginal e vaginose bacteriana, a mulher pode transmitir a doença para o parceiro. Caso isso venha acontecer, é preciso tratar o casal para não ficar retransmitindo a doença um para o outro”, alerta o médico.

PROTEÇÃO VAGINAL
A vagina conta com mecanismos que a mantém ácida para defender naturalmente contra a presença de bactérias e fungos. Anticorpos e células de defesa também controlam os invasores indesejáveis e previnem as infecções. Porém, esse sistema falhará se a mulher não se atentar aos cuidados com a higiene, utilizar roupas apertadas e de tecido sintético e usar produtos perfumados (sabonetes e absorventes) dos quais podem provocar alergia. A baixa imunidade, as alterações hormonais e o uso de antibióticos também favorecem para o surgimento das doenças.

CUIDE-SE:
- Ao sair da água, troque o biquíni ou maiô imediatamente por roupas secas;
- Evite tirar todos os pelos do órgão genital e não se depile no mesmo dia que vai à praia ou mergulhar na piscina. Isso pode causar minúsculas lesões na pele, que fica desprotegida e exposta à contaminação;
- Fuja das roupas sintéticas nos dias mais quentes. Esse tecido impede a ventilação na vagina. Prefira as calcinhas de algodão;
- As calcinhas devem ser lavadas sempre com sabão de coco ou sabonete neutro. Evite amaciante e água sanitária nas peças;
- Não durma com absorvente íntimo. Ele deve ser trocado com regularidade. Dormir sem calcinha pode ser uma boa solução para arejar a região genital;
- Opte por sabonetes à base de glicerina, já que os sabonetes íntimos combatem tanto os microorganismos nocivos quanto os necessários à vagina. Se usar sabonete, a quantidade deve ser pequena;

- Consulte o ginecologista regularmente para realizar exames ginecológicos de rotina.

-----------------------------------------------------------
5 Benefícios da agua com limão para saúde
Por: Cassiana Ellen


O limão é um fruto bastante utilizado na culinária para temperos e suco, além de trazer benefícios para a saúde a quem consome rotineiramente. Muitos podem achar azedo pois possui uma grande quantidade de ácido cítrico, rico em vitaminas C, B e sais minerais (cálcio, fosforo, ferro e potássio).

Confira os benefícios do consumo da água com limão diariamente:

Melhora a digestão
o limão ativa a produção da bílis pelo fígado, que atua na digestão de gorduras e absorção de nutrientes. As propriedades contidas no fruto diminui desconfortos abdominais, inchaço e azia, resultando num efeito desintoxicante e purificante, ótimo para quem procura o emagrecimento.

Equilibra o PH
Por ser um fruto alcalino, ele contribui para neutralização dos resíduos ácidos produzidos pelo no corpo e pela má alimentação. Trocar o café e o refrigerante pela água com limão pode ser uma boa escolha para sua saúde.

Mau hálito
O efeito alcalino e antioxidante alivia odores e problemas de gengivite, apenas evite o consumo da água com limão depois das escovações pois os dentes ficam mais sensíveis, o ácido cítrico presente no fruto podem corroer os esmaltes dos dentes. utilize canudos se 
puder.

Melhora a aparência da pele
A vitamina c presente no limão e seu efeito antioxidante ajuda o rejuvenescimento da pele, matando bactérias causadoras de acnes, trazendo efeito luminoso e prevenindo o envelhecimento das células.

Fortalece o sistema imunológico

O limão é rico em vitamina c, com efeito anti inflamatório, aumenta a absorção de ferro no sangue, e tem propriedade anti microbianas que combatem infecções e gripes.
-----------------------------------------------------------

Com Chegada do Verão, Veja Dicas Essenciais 


Hello Girls, tudo bom? hoje vamos fazer um post diferente por aqui, vou dar algumas dicas para o verão que é a estação mais quente do ano, e quando pensamos nela, o que vem logo a nossa mente é praia, piscina, sol... etc, mais por ser uma epóca bem quente essa requer vários cuidados.

a primeira dica pode parecer um pouco clichê, no entanto ela é bem importante.

1. Beber Água: o ideal é você beber de 2 a 3 litros de água durante o dia para não desidratar, assim você manterá  o seu corpo saudável além de ficar com uma pele bem bonita e viçosa.

2. Evitar Exposição Solar: é essencial evitar a exposição direta ao sol nas horas de muito calor, entre as 10h e as 15h.

3. Usar Protetor Solar: é sempre bom utilizar o produto 15 minutos antes de sair de casa, e repassar de 2 em 2 horas, principalmente se você for a praia ou piscina.

4. Usar Chapéus ou Bonés: quando estiver na rua, mesmo ao caminhar normalmente, é bom usar roupas leves e de cores claras para que possam absorver menos calor possível.

5. Comer frutas, verduras e legumes: o ideal é comê-los crus e que sejam ricos em água como: alface, chuchu, rabanete, nabo, maçã, melão, melancia, couve-flor,  abacaxi, cenoura, goiaba e clara de ovo.

6. Evitar bebidas alcoólicas e refrescos açucarados: .o álcool no nosso organismo aumenta a perda de água pelo corpo, e os refrescos açucarados fazem com que o nosso corpo necessite ingerir mais água do que o necessário para manter-se hidratado. 

7. Evitar Permanecer em Locais Fechados: e sem ventilação, em caso de você precisar ficar em um local assim é bom pôr uma bacia com água para umidificar o local, assim você poderá evitar a desidratação e conseguirá respirar melhor. 


Outra dica meus amores é vocês evitarem o ar condicionado, eu sei que ele é ótimo para matar o nosso calor nos momentos mais quentes, no entanto, no verão ele é um problema pois aumenta a proliferação de bactérias, vírus e ácaros no ar, além de retirar a umidade do ar, agravando as alergias e doenças respiratórias. Por isso é sempre bom fazer a limpeza do filtro do ar condicionado com frequência e fazer uso de vaporizador.

É muito importante adotar esses cuidados nessa época do ano para evitar a desidratação e doenças como rinite, sinusite, bronquite, asma, as brotoejas, essas doenças são super comuns no verão devido ao aumento do suor, baixa umidade no ar e proliferação de micro- organismos. Uma última dica importantíssima é passar repelente no corpo, passar repelente no corpo? Sim, pois no verão há mais mosquitos e na fase de chuvas pode ocorrer epidemia de dengue. então é sempre bom se precaver e tomar os cuidados necessários para evitar algum mal indesejado.


HELLO GIRLS
-----------------------------------------------------------
Ginecologista aponta os hábitos que prejudicam a saúde íntima na estação mais quente do ano


O verão é a época em que as mulheres precisam ficar mais atentas com a saúde íntima. Os fungos e bactérias, naturalmente presentes na flora vaginal, proliferam com mais rapidez em ambientes úmidos.
Segundo a ginecologista, obstetra e sexóloga Dra. Erica Mantelli há um desequilíbrio no PH vaginal. “Esse fator associado à baixa imunidade do corpo, faz com que haja um aumento nas secreções, corrimentos e até algumas doenças como, por exemplo, a candidíase”, explica a médica.
Para evitar os problemas, a ginecologista alerta que o principal erro está nos hábitos mais simples. “O biquíni molhado, por exemplo, é o principal vilão da vagina no verão. As mulheres entram no mar ou na piscina e continuam com a parte íntima úmida. Isso acarreta no desenvolvimento de fungos e bactérias. O ideal é sempre levar uma troca na bolsa e se manter seca durante o dia.”, ressalta.
O uso incorreto de absorventes diários também são um erro. “Como são feitos de algodão, a vagina fica ainda mais úmida e isso pode desencadear secreções e corrimentos. Absorventes diários são apenas adequados para situações de emergência ou durante o ciclo menstrual, deixando claro que o recomendável é trocá-lo de quatro em quatro horas, mesmo se o fluxo sanguíneo for baixo”, completa Dra. Erica.
Cuidados simples fazem com que o verão seja mais proveitoso e sem desagrados. O sabonete íntimo é indicado para o uso sem exageros. “Todo e qualquer medicamento, sendo natural ou não, deverá passar pela avaliação médica”, conclui.

Nenhum comentário