Breaking News

Galvão Bueno deixa em aberto futuro como narrador na Copa de 2022: “Preciso de tempo para pensar”


A Copa do Mundo de 2018 terminou neste domingo (15) como título da França sobre a Croácia após a vitória por 4 a 2. E mesmo sem o Brasil na decisão, a transmissão da Rede Globo contou mais uma vez com a narração de Galvão Bueno, um dos principais narradores esportivos da atualidade.

Após narrar o bicampeonato da França, e já durante encerramento da transmissão da Globo, Galvão Bueno disse que a Copa da Rússia pode ter sido seu último Mundial. “Muita gente falou que seria a minha última Copa, e talvez seja mesmo.”

“Se é a minha última Copa do Mundo narrando? Não sei. Pode ser que seja. Não sei o que falar, preciso de tempo para pensar e calma para decidir. O tempo dirá”, disse o narrador de 67 anos, deixando seu futuro em aberto.

Em outro momento, Galvão fez questão exaltar sua 12ª Copa do Mundo como narrador. “São 12 Copas do Mundo, mas essa foi tão especial, foi tão emocionante, foi tão maravilhosa, que foi como se tivesse sido a primeira. Foi uma Copa, realmente, de mexer com o coração de todos nós.”

“Quero dizer que essa Copa foi muito especial para todos nós, a primeira com o esporte da Globo totalmente integrado, TV Globo, SporTV e GloboEsporte.com, para levar até você as emoções desse Mundial por um mês. A gente aproximou a Rússia do Brasil. Queria, em nome de 400 profissionais envolvidos nessa cobertura, aqui na Rússia e no Brasil, dizer obrigado pela audiência, pela enorme audiência. Sentimos o quanto o brasileiro gosta da Copa do Mundo, essa paixão. Jamais tantos brasileiros se reuniram para ver uma Copa. Foi uma Copa das imagens espetaculares, dos árbitros de vídeo, das grandes emoções. Foi bom demais. É hora de fazer o convite: respire fundo para o que teremos pela frente. Mais uma vez, obrigado pelo carinho. Um grande abraço a todos os brasileiros que estiveram junto nesses dias. Que venha o Catar 2022”, completou.

Aposentadoria na TV:

Se por um lado Galvão Bueno deixou seu futuro em aberto, o comentarista de arbitragem Arnaldo Cezar Coelho anunciou sua aposentadoria da TV. “A vida da gente é feita de fases. Eu tive a minha como árbitro de futebol, cheguei a apitar uma final (de Copa, a de 1982, entre Alemanha e Itália), que é o grande momento da vida de um árbitro. Eu tive minha fase como comentarista em todas as Copas do Mundo que você (Galvão) esteve comigo. E quero dizer que está chegando ao fim dessa fase. Tenho novos projetos, a Rede Globo está de portas abertas, eu sei disso, mas quero descansar um pouco porque é realmente uma vida fatigante. Quero me dedicar um pouco à família e aos meus negócios também.”

“Muito obrigado a todos. Acho que a equipe da Rede Globo, dos pequenos funcionários até os maiores diretores, é uma equipe grandiosa que nos dá segurança e tranquilidade. A Rede Globo me ensinou muita coisa e consegui ensinar muita coisa ao telespectador. Uma nova fase vem aí, tem um momento de renovação que é muito importante. Agradeço a todos que me ajudaram nesta fase”, completou.





MSN

Nenhum comentário