Breaking News

“Governo vai ter que dar uma resposta”, afirma presidente do Sindipostos


O presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do RN (Sindipostos), Antônio Cardoso Sales, afirmou que o “Governo vai ter que dar uma resposta” quanto à situação dos preços de combustíveis no Brasil.
Para Sales, “o clima ficou muito complicado” – sentimento refletido nas várias manifestações que ocorrem pelo país nos últimos dias.
Sales viajou na última terça-feira, 22, para Brasília. Ele participou de uma audiência pública convocada pela Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados para debater justamente a situação dos preços dos combustíveis no Brasil.
De acordo com o sindicalista, foi discutida a possibilidade de que o Governo Federal reveja e equalize o piso da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) e da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide). Também foi discutido uma revisão dos ICMs dos Governos Estaduais, além, claro, dos preços dos combustíveis.
“Todos falaram em relação à questão das formações dos preços. A média de margem da revenda pra ser dividida em pontos e distribuidoras gira em torno de 12% de margem bruta. A condição está em rever essa situação da parte tributária, e de ver, junto a Petrobras, uma solução para essas mudanças diárias dos preços, criando um amortecedor para que não haja tanto impacto ao consumidor”, explicou Sales.



MSN

Nenhum comentário