Breaking News

'Se chover, vão atrasar', diz secretário sobre obras de mobilidade de Natal

Lote 2 está 65% concluído, segundo secretário de Obras, Tomaz Neto (Foto: Fernanda Zauli/G1)
O lote 2 das obras de mobilidade urbana de Natal para a Copa do Mundo estão 65% concluídas e a expectativa da Secretaria de Obras Públicas é que sejam entregues em 31 de maio. No entanto, o titular da pasta, Tomaz Neto, reconhece que as obras podem atrasar, caso as chuvas persistam na capital. "Se houver continuidade do período chuvoso, as obras terão atraso", disse. O lote prevê a construção dois viadutos, incluindo o estaiado, seis túneis e duas passarelas, e está orçado em R$ 222 milhões.

De acordo com Tomaz Neto, 922 trabalhdores se revezem em três turnos para garantir a conclusão das obras. "Desde 1º de fevreiro aumentamos o número de funcionários de 525 para 922 com o objetivo de entregar as obras com um coeficiente de segurança de tempo", disse. Segundo ele, o viaduto estaiado, a parte mais complexa da obra, está 60% concluído.
"Estamos trabalhando para entregar tudo até 31 de maio. Vamos continuar em ritmo acelerado e pedir a contribuição de São Pedro para que tudo fique pronto a tempo da Copa do Mundo", disse.
O lote 3 das obras que prevê a de padronização de 55 quilômetros de calçadas e construção de 300 abrigos de passageiros de ônibus não ficará pronto a tempo do Mundial. Segundo Tomaz Neto, dos 55 quilômetros previstos, apenas 10 ficarão prontos até maio. "Nossa expectativa é entregar o restante até outubro", disse.
Viaduto estaiado será erguido no cruzamento das avenidas Prudente de Morais com a Lima e Silva (Foto: Divulgação/Prefeitura de Natal)




























Fonte: G1/RN