Breaking News

Curtinha: Roberto Fernandes é demitido do ABC após derrota

Roberto Fernandes, técnico do ABC (Foto: Frankie Marcone/Divulgação/ABC)Roberto Fernandes não é mais técnico do ABC. A informação foi confirmada ao GloboEsporte.compelo vice-presidente administrativo e financeiro do clube, Rogério Marinho, na noite deste domingo, após a derrota para o Potiguar de Mossoró. O jogo marcou a estreia alvinegra no returno do estadual.

Segundo o assessor do vice-presidente, Clécio Santos, Rogério Marinho conversou com o treinador após a partida e comunicou o fim do trabalho. Por uma rede social, o clube comunicou que "a diretoria abecedista se reuniu com Roberto Fernandes e, de forma consensual, ficou acertada a saída do treinador".

Ainda não há confirmação de um novo nome, nem de quem comandará a equipe na quinta-feira, diante do Baraúnas. Uma reunião nesta segunda-feira, no CT Alberi Ferreira de Matos, deve definir o substituto de Roberto Fernandes. 

Passagem durou sete meses
Durou sete meses a passagem de Roberto Fernandes pelo ABC. O técnico de 42 anos teve papel fundamental na permanência do alvinegro na Série B do Campeonato Brasileiro, em 2013. Ele assumiu a equipe alvinegra às vésperas do clássico contra o América-RN, seu ex-clube. O jogo foi realizado no dia 10 de agosto, válido pela 14ª rodada. O Mais Querido era o lanterna da competição, posição que se manteve até a 25ª rodada. Depois, conseguiu uma boa sequência de vitórias em casa, deixando a zona de rebaixamento. 

Com contrato renovado para 2014, foi o responsável pela montagem da equipe para o Campeonato Potiguar, mas não conseguiu êxito. Na primeira fase, chamada Copa FNF, chegou a declarar que não estava preocupado com o título - que garantiria uma vaga na Copa do Brasil - e que queria dar ritmo aos jogadores. Com o início do primeiro turno, nova decepção em campo e, após a derrota para o rival América-RN, ficou fora da briga pelo título. A derrota para o Potiguar de Mossoró marcou a estreia do Alvinegro no returno, onde se esperava uma reação do time, o que não ocorreu.



Fonte: Globo Esporte/RN