Breaking News

Seec RN Afirma que professor que suicidou-se não era professor efetivo do Estado, e que o Mesmo foi pago Ha Uma Semana


Secretaria de Educação do Rio Grande do norte emitiu uma nota de esclarecimento sobre professor que suicidou-se em função do salário.

A Secretaria de Estado da Educação vem a público prestar esclarecimentos sobre o suicídio do professor Fernando Manoel Vasques Leonez, 54, que ocorreu na tarde desta segunda-feira (30), no município de Macau.
Tem circulado nas redes sociais a notícia de que Fernando Manoel teria escrito bilhete dizendo que estaria cometendo suicídio por não ter recebido o salário. Sobre essas informações, a SEEC esclarece:
01. Fernando Manoel Vasques Leonez não é professor efetivo do Estado e estava ministrando projeto de reposição de aulas na Escola Estadual Clara Teteo, em Macau.
02. O pagamento pelas atividades exercidas por ele sempre foi feito dentro do mês trabalhado, incluindo o valor referente a dezembro, pago ainda na semana passada. O recibo assinado pelo professor declarando o recebimento do pagamento de dezembro está em posse da 6ª Diretoria Regional de Educação, de Macau.
03. Familiares declararam à 6ª DIRED que o professor enfrentava problemas pessoais, mas os reais motivos ainda serão investigados pelas autoridades competentes.
A Secretaria de Estado da Educação solidariza-se com a família e os amigos de Fernando Manoel e lamenta que um fato tão lastimável seja utilizado de forma política para atingir a imagem da secretaria.




Fonte: Blog do Wallace