Breaking News

Em vídeos, conheça mais sobre o mundo do tuning


G1 ouviu especialistas para conhecer o mundo do tuning, como são chamadas as alterações feitas no carro. Em vídeos, especialistas dizem como começar a fazer modificações e os estilos mais conhecidos. Atualmente, o termo tuning é usado para designar modificações feitas no carro, tanto na estética quanto na mecânica.

No vídeo acima, Paulo Libera, organizador de uma comunidade de tuning em São Paulo, diz que um "kit básico" é rebaixar o carro, alterando a suspensão, colocar uma roda mais esportiva e melhorar o som. Ele cita vários estilos de tuning, entre eles o Extreme, que tem mudanças mais radicais como colocar portas estilo "asa de gaivota" — e aí o valor do investimento pode chegar a R$ 50 mil.
Abaixo, veja também quais são as mudanças mais comuns na mecânica dos carros, os riscos de mexer com esses padrões e como legalizá-las.
Mudando até o motor...


Entre mudanças mecânicas está o rebaixamento do carro e o aumento de potência do motor, antes feito por um chip e, atualmente, por uma central no carro. Saiba mais no vídeo ao lado.
Há oficinas especializadas nesses serviços e elas atendem todos os tipos de carros. Um kit de turbo, por exemplo, pode ser instalado num carro 1.0, diz Antonio Lourenço Marconato, o Tonicão, dono de oficina em São Paulo. Mas Henrique Pereira, da Associação Brasileira de Engenharia Automotiva (AEA), adverte: "Quando você mexe nos parâmetros dentro do computador que controla o motor de um carro, acaba alterando consumo ou durabilidade e, sempre, as emissões (de poluentes)."

Para quem quer começar

 


Modelos japoneses têm mais equipamentos ofertados no mercado de personalização. Para mudanças mecânicas, há oficinas especializadas.

No video ao lado, especialista orienta a começar devagar, para não errar. Além disso, alerta que as modificações nem sempre são valorizadas na revenda do carro. O melhor é optar por itens que podem ser removidos, guardar as peças originais e desfazer a mudança na hora de vender o veículo.
É preciso ter cuidado ainda com alterações proibidas por lei, como instalação de suspensão regulável e de farol xênon. Modificações que podem ser legalizadas devem ter autorização do Detran estadual, ser vistoriada e constar no documento do veículo (leia mais sobre o tema).


Fonte: Auto esporte