Breaking News

Donos de cães mortos em São Gonçalo vão procurar a polícia

Os donos dos cães mortos dentro de uma residência no bairro Regomoleiro, em São Gonçalo do Amarante, irão procurar a polícia para prestar queixa do caso. Os animais foram envenenados nas madrugadas dos dias 22 e 29 de janeiro. Ao todo, sete cadelas das raças Labrador, Dachshund e Vira-lata morreram. Os cuidadores dos cães acreditam que ação foi criminosa.
 

 
De acordo com Lucia Maria, dona de cinco das cadelas mortas, o fato causou revolta e muita tristeza, principalmente entre as crianças da casa, visto que os animais eram domesticados e dóceis. "É realmente lamentável tudo isso, não dá para acreditar que alguém foi capaz de tanta crueldade ao ponto de matar todas as cadelas sem nenhuma razão", disse.
Paulo Sérgio, cuidador de dois dos animais, relatou para a reportagem do Portal BO que o autor do envenenamento deve ter jogado o produto pelo muro sabendo que os cães ficavam soltos a noite no pátio da casa.
"Isso enriquece a hipótese de que quem fez isso sabia detalhes do dia a dia das pessoas que moram aqui e dos animais. Diante disso, iremos procurar as entidades responsáveis inclusive a polícia para que este caso não fique impune, ele pode matar mais", declarou.
Segundo moradores da localidade, que preferiram não ser identificados, outros cães foram mortos nos últimos quinze dias no bairro, todos apresentaram o mesmo sintoma. A cuidadora Lucia Maria disse ainda que vestígios de uma substância foram encontrados na área da casa, mas não recolheu o material para análise.




Fonte: Portal B.O