Breaking News

Betania Ramalho espera que greve dos professores termine por inanição

A secretária de Estado da Educação, Betania Ramalho, espera que a greve dos professores termine por inanição. A professora diz que o Estado não entende que seja o caso de pedir a ilegalidade da greve e que está cansada desse jogo que dá munição ao Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Rio Grande do Norte – SINTE/RN.
Em tom de saturação, a secretária disse, em entrevista ao Jornal 96, da 96 FM – se referindo ao prazo de 10 dias estipulado pelo Sinte para o Governo encontrar uma solução – que não vai entrar em confronto com a categoria e que não trabalha sob pressão de Sindicato, mas sim sob pressão das famílias que deveriam ir às ruas para pedir aulas. “Não queremos enfrentamento. O Sindicato é poderoso do ponto de vista e pode entrar em qualquer horário nobre e colocar o que quiser muitas vezes equivocando a opinião pública”, ressalta Betania.



Fonte: Robson pires