Breaking News

SINTE/RN espera que deputados votem a favor da correção salarial da categoria e denunciará os inimigos da educação


O SINTE/RN também está de olho no voto dos deputados sobre a correção salarial da categoria em janeiro e irá denunciar os inimigos da educação. Como se não bastasse o baixo índice de correção do piso, agora querem formalizar o golpe reduzindo-o a praticamente zero.
Para a coordenadora geral Fátima Cardoso, qualquer alteração para menos tem o significado de colocar na vala comum o que está no projeto de lei meta 17 do Plano Nacional de Educação. “Mudar as regras da correção do piso salarial para pior é, acima de tudo, uma covardia com a educação brasileira. É não ter respeito. E, por favor, nas usem as tribunas para fazer discursos vazios e melancólicos, pois já não nos impressionam”, critica.
Em razão dessa disputa o Sindicato chama a atenção para os deputados do Rio Grande do Norte. “Devemos cobrá-los para que votem pela permanência do fator atual de correção do piso salarial e a mesma data da correção que é o mês de Janeiro. Estamos de fato de olho em quem realmente defende a educação e seus profissionais. Esperamos que os/as parlamentares deste estado não decepcionem mais uma vez milhares de trabalhadores em educação, pais e estudantes”, ressaltou a sindicalista.


Fonte: Sinte RN